domingo, 8 de janeiro de 2017

Segurança Infantil


Segundo uma fiscalização da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE), 37% dos 516 espaços de jogo e recreio, fiscalizados desde 2013, possuíam irregularidades.
As irregularidades passavam pela falta de conservação dos equipamentos e pelas falhas verificadas no piso e na zona de impacto.
A intenção, que estava definida por um diploma, era de avançar com um registo electrónico de todos os parques infantis e dos outros espaços de diversão (como por exemplo, insufláveis e skate parques), registo a partir do qual se podia fazer uma constante actualização das condições de segurança. Este diploma nunca chegou a sair do papel.
Se formos a ver bem, se o diploma fosse para a frente e o registo electrónico começa-se a funcionar, a fiscalização, feita pelas entidades competentes, seria muito mais fácil, uma vez que teriam um sitio onde podia aceder a todos os dados sobre um determinado espaço de diversão.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...